ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Polícia Federal apreende dinheiro na cueca de vice-líder do governo Bolsonaro em operação sobre desvios de verba da Covid-19

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira, dia 14, uma operação para investigar desvios em aplicação de recursos de combate ao coronavírus  e apreendeu dinheiro vivo dentro da cueca do vice-líder do governo Bolsonaro no Senado, Chico Rodrigues (DEM-RR). Os investigadores que cumpriam a busca e apreensão na residência do senador em Roraima encontraram no local cerca de R$ 30 mil. Parte das notas de dinheiro estaria entre as nádegas.

Leonardo Rodrigues de Jesus, conhecido como Léo Índio, primo dos filhos do presidente Jair Bolsonaro, é lotado no gabinete do senador Rodrigues.  Filho de Rosemeire Nantes Braga Rodrigues, irmã de Rogéria Nantes, mãe dos três filhos políticos de Bolsonaro, Índio foi nomeado em abril de 2019 com salário bruto de R$ 14.802,41. Ele foi assessor de Flávio e é muito próximo do vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ). Em maio, teve quebra de sigilo bancário autorizada pelo Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) no inquérito que apura a suspeita da chamada “rachadinha” no gabinete de Flávio.

 A operação que teve Chico Rodrigues como alvo foi deflagrada com autorização do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso para investigar desvios milionários em recursos de combate à pandemia destinados por meio de emendas parlamentares à Secretaria de Saúde de Roraima.


Fonte: G1