ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Boris Casoy alerta sobre STF: ‘Querem fazer Lula candidato’


O apresentador Boris Casoy denunciou uma possível conspiração político-judiciária para tornar possível a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva às eleições em 2022.

Em um vídeo, Casoy chama a atenção para o desmonte do processo contra Lula na Lava Jato, que o levou para a cadeia. A ação penal era comandada pelo então juiz federal Sergio Moro, possível candidato à presidência em 2022.

– Acabaram de invalidar o depoimento do ex-ministro Antonio Palocci à Lava Jato. Palocci foi um dos executores da política de assalto aos cofres públicos praticada pelo PT no governo Lula – alertou.

Em seguida, Casoy expõe as intenções por trás da exclusão da delação de Palocci, obtida por Moro, e que foi a base da condenação de Lula.

– A verdade verdadeira é que pretendem cancelar Sergio Moro e tentar fazer Lula, depois de tudo, candidato em 2022. Nós não merecemos isso. Deus proteja o Brasil – declarou.

Além da exclusão do depoimento de Palocci à Justiça, está em andamento no Supremo Tribunal Federal uma ação que irá julgar a suspeição de Sergio Moro no processo contra Lula. Caso fique constatada a parcialidade do ex-juiz, o processo contra o petista poderá ser anulado, culminando também na anulação da condenação e na retomada de seus direitos políticos.






Fonte: Pleno News