ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Bebê retirado de barriga da mãe deve ter alta neste início de semana


A pequena Cecília, que foi retirada do ventre da mãe, Flavia Godinho Mafra, em um crime que chocou Santa Catarina, continua internada no Hospital Infantil, em Florianópolis.

Ela sofreu lesões durante o crime e está sendo medicada com antibióticos e remédios para dor. Segundo informações de amigos da vítima, a menina passa bem e a previsão é que tenha alta na terça-feira, 1. O bebê deve voltar para Canelinha com o pai.

O corpo de Flavia foi encontrado na manhã de sexta-feira, 28, em Canelinha. Familiares e amigos procuravam por ela desde a tarde de quinta-feira, quando saiu para ir a um suposto chá de bebê surpresa, organizado pela mulher que a matou.

O crime
Segundo a Polícia Civil, a mulher acusada de assassinar Flávia estava grávida e perdeu o bebê em janeiro. Ela estava planejando o crime há dois meses, após identificar a colega grávida.

A acusada informou aos policiais que armou o chá de bebê, dando carona para a vítima até o suposto local do evento na quinta-feira, 27. Ela parou em uma cerâmica abandonada no bairro Galera, dizendo para a vítima que as pessoas estavam chegando no local.

A vítima teria dado as costas para a mulher, que desferiu uma tijolada na cabeça dela. Em seguida, outros golpes, que deixaram a vítima inconsciente. Neste momento, ela pegou o estilete e fez um corte na barriga da vítima, retirando a criança do ventre da mãe. Ela alega que estava sozinha no momento do crime.

A mulher e o marido estão presos. A polícia continua a investigação para saber se outras pessoas estão envolvidas no crime.

Flavia que era formada em Pedagogia e era apaixonada por crianças foi sepultada na tarde de sábado, 29, sob grande comoção da família e amigos.



Fonte: Michel Teixeira