ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Médica e enfermeira são presas em flagrante após divergências em atestado

Ocorrência foi registrada nesta segunda-feira, em Pinhalzinho


A Polícia Civil de Pinhalzinho prendeu em flagrante, na tarde desta segunda-feira, dia 22, duas profissionais de saúde pela prática do crime de falsidade de atestado médico.

Conforme o delegado Jerônimo Marçal Ferreira, a Polícia Militar conduziu duas pessoas, um homem e uma mulher, em flagrante pelos crimes em tese de furto e de receptação. O homem apresentava lesões aparentes no rosto, na mão e no peito.

Porém, no atestado confeccionado por uma médica e por uma enfermeira, a partir de exame médico realizado, constava não ter sido verificado nele qualquer lesão ou escoriação.

Em razão disso, o delegado, acompanhado de um agente, se deslocou ao local de trabalho das profissionais e deu voz de prisão, conduzindo-as à delegacia, onde um Termo Circunstanciado foi registrado.

Elas foram posteriormente liberadas. O procedimento será encaminhado ao Poder Judiciário.




Com informações do Portal Peperi