ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Indústria de SC cresceu 2,2% em 2019

Desempenho foi o quinto melhor do país, segundo IBGE. Apesar do aumento, setor teve segundo semestre ruim



A produção industrial de Santa Catarina fechou 2019 com um crescimento de 2,2%, segundo dados do IBGE divulgados nesta terça-feira (11). O resultado foi puxado, principalmente, pela alta na fabricação de máquinas e aparelhos elétricos (11,6%) e na fabricação de produtos de metal (6,6%). Na contramão, o setor têxtil registrou queda de 0,5%.

O desempenho foi destaque nacional. Santa Catarina teve o quinto melhor resultado industrial, atrás apenas de Paraná (5,7%), Amazonas (4%), Goiás (2,9%), e Rio Grande do Sul (2,6%). Ficou bem acima da média brasileira, de -1,1%.

O avanço de 2,2% representa maior nível de estabilidade após os crescimentos de 2017 (+4,5%) e de 2018 (+4,1%) e as quedas de 2016 (-3,3%) e de 2015 (-8,1%), mas também retrata o desaquecimento da economia no segundo semestre, já que nos primeiros seis meses a alta foi de 4,7%. Desde junho, o percentual só caiu.

Mesmo menor, o resultado positivo é um dos motivos do otimismo do industrial catarinense. Segundo o Observatório da Fiesc, a confiança no setor em Santa Catarina cresceu para 68,2 pontos em janeiro, em uma escala de 0 a 100.


Queda nacional

Na média, a indústria brasileira encolheu 1,1% em 2019. A principal queda ocorreu no setor de indústrias extrativas (-9,7%), manutenção e instalação de máquinas e equipamentos (-9,1%), e fabricação de equipamentos de transporte (-9%).


A redução nas indústrias extrativas é explicada pelo acidente em Brumadinho/MG, que afetou toda a cadeia. Além disso, 16 das 26 atividades pesquisadas registraram queda. A redução ocorreu em seis de 14 estados apurados.


RCN


Fonte: Diário Rio do Peixe

Nenhum comentário