ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Bolsonaro detona Globo por caso do porteiro: “Escândalo”

Presidente comentou resultado do laudo da Polícia Civil

Presidente Jair Bolsonaro Foto: PR/Carolina Antunes

O presidente Jair Bolsonaro fez duras críticas ao Grupo Globo na manhã desta quarta-feira (12), após a revelação do laudo da Polícia Civil do Rio de Janeiro indicar que o porteiro que autorizou a entrada de Élcio de Queiroz, suspeito de participar da morte da vereadora Marielle Franco, no condomínio Vivendas da Barra, onde o mandatário morava, não foi o mesmo que disse à Polícia ter falado com Bolsonaro.

Através das redes sociais, o mandatário publicou um vídeo com a reportagem exibida pelo Jornal Nacional na noite desta terça-feira (11), onde o jornalístico falou sobre o resultado da perícia nas ligações do condomínio. Na legenda da publicação, Bolsonaro chamou a tentativa de ligá-lo ao caso Marielle de “escândalo”.

– A tentativa de associar Jair Bolsonaro à morte da Marielle, é mais um escândalo da TV Globo, associado ao que há de mais sujo na investigação feita pelo Governo do Rio de Janeiro – escreveu.


O parecer da polícia, assinado por seis peritos, mostrou que o depoente não foi quem falou no interfone. Além disso, a comparação dos arquivos de áudio comprovou que a pessoa que autorizou a entrada de Élcio de Queiroz no condomínio foi o policial Ronnie Lessa. O condomínio é o mesmo em que moram o presidente Jair Bolsonaro e o vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ).


Fonte: Pleno News

Nenhum comentário