Notícias Gerais

Santa Catarina tem aumento de nascimentos acima da média nacional


Enquanto estados como São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná e Rio Grande do Sul registraram em 2018 um número menor de nascimentos em relação ao ano anterior, Santa Catarina liderou as regiões Sul e Sudeste em crescimento nesse quesito. A informação é destaque de uma nova pesquisa de registros civis divulgada pelo IBGE nesta quinta-feira (04).

Conforme o levantamento, em 2018 foram registrados 99.674 nascimentos em Santa Catarina, enquanto em 2017 o número havia sido 1,4% menor: 98.279. O número coloca o Estado acima da média nacional, que foi de crescimento de 1% no número de nascimentos. Em 2018, segundo o IBGE, 2,9 milhões de crianças foram registradas no Brasil.

Santa Catarina foi também um dos Estados do país com a menor taxa de sub-registro de nascimentos: apenas 0,4%, a mesma taxa do Rio Grande do Sul, Paraná e Distrito Federal, que perdem apenas para São Paulo, que marcou 0,3%.

Conforme o IBGE, a cada 100 mulheres que tiveram filhos em SC em 2018, 72 tinham entre 20 e 34 anos. Entre as outras 30, 17 delas tinham mais de 35 anos e 11 tinham menos de 20 anos. O cenário é bem diferente de Estados do Norte do Brasil, por exemplo, em que 21 a cada 100 mulheres tinham menos de 20 anos quando deram à luz.



Fonte: NSC / (Foto: Betina Humeres / Arquivo NSC

Nenhum comentário