Notícias Gerais

Prova teórica para tirar CNH deixa de ser impressa e passa a ser digital em SC

A iniciativa, segundo o órgão, garante economia, segurança e mais celeridade ao processo de confecção da CNH


O Detran de Santa Catarina implantou em todas as Ciretrans (Circunscrições Regionais de Trânsito) do estado ambientes equipados com computadores, câmeras e identificação biométrica para a realização das provas teóricas durante o processo de habilitação. 

Ao todo, 36 salas receberam os equipamentos de acordo com a demanda de cada região. A iniciativa, segundo o órgão, garante economia, segurança e mais celeridade ao processo de confecção da CNH. 

Em Caçador, o Ciretran já implantou esse novo formato de prova há cerca de 3 meses. De acordo com o supervisor do Ciretran da 10ª Delegacia Regional de Caçador, Everson José Passarin, esse formato deixou a prova com um grau de dificuldade um pouco maior, porém bem mais prático. “A diferença está no banco de dados, sendo que antes o sorteio de perguntas para as provas era entre 1.500 passando agora para até 6 mil”, frisou.  

O Detran/SC avalia que além da economia de papel, onde cada caderno de teste tinha 23 páginas, a migração das provas impressas para o meio digital permite reduzir o tempo de prova, que passa a ser em média de uma hora, e o resultado é divulgado em poucos minutos. Além disso, há diminuição da possibilidade de fraude durante o exame, já que os candidatos passam pela identificação biométrica e são monitorados por câmeras. Outro benefício é que o banco de dados com o conteúdo das questões é constantemente atualizado. 


“Conseguir informatizar as provas teóricas para habilitação em todo o estado é um grande avanço rumo ao Detran 100% Digital. Queremos cada vez mais oferecer serviços eficientes e facilitar a vida do cidadão”, ressalta a diretora do Detran, Sandra Mara Pereira. 


Fonte: Notícia Hoje