sexta-feira, 9 de agosto de 2019

Bancos também podem entrar em cadastro para não receber ligações de telemarketing

A meta é que até o fim de setembro os bancos façam a adesão


Os clientes de bancos devem ter em breve um sistema de “Não me perturbe” para se cadastrar quando não quiserem receber ligações indesejadas de instituições financeiras. O sistema seria o mesmo que permite aos usuários de telefonia pedir o bloqueio de chamadas de telemarketing de empresas de telecomunicações.
Em nota, o Ministério da Justiça afirmou que “a ideia é que bancos associados a Febraban (Federação Brasileira de Bancos) e ABBC (Associação Brasileira de Bancos) fação a adesão voluntariamente ao não perturbe em seu código de auto-regulação, de modo que respeite aqueles consumidores pré-cadastrados que não querem ser importunados”.
O ministério afirma ainda que pretende criar uma plataforma única para vários setores econômicos, evitando que cada setor tenha sua plataforma “Não me perturbe”. A meta é que até o fim de setembro os bancos façam a adesão.
Procurada, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) não quis comentar o assunto.

Como funciona o sistema na telefonia

Quem participa

O sistema foi desenvolvido pelas empresas Algar, Claro/NET, Nextel, Oi, Sercomtel, Sky, TIM e Telefônica/Vivo, após acordo firmado com a Anatel para reduzir o número de queixas e melhorar a relação com os consumidores.

Como cadastrar

No site naomepertube.com.br, o usuário informa o número do CPF do titular da linha para a qual não quer mais receber chamadas. O usuário pode cadastrar quantas linhas tiver em seu nome.

Quem pode ser bloqueado

O usuário pode bloquear as ligações de uma operadora, várias ou todas. Também é oferecida a possibilidade de bloqueio por tipo de serviço (telefonia fixa, celular, internet e TV por assinatura).Vale lembrar que, por enquanto, o cadastro só é válido para chamadas feitas por empresas de telecomunicações.

Prazo para bloqueio

Após o cadastro do número, haverá um prazo para início do bloqueio efetivo, estimado em 30 dias.

Ligações que caem

A Anatel estuda como combater as ligações mudas, feitas por robôs, que caem quando o consumidor atende, mesmo que originadas por outros setores.

Fonte: Rádio Vitória
Mais Notícias

Previsão do tempo para a região Sul do Brasil