quarta-feira, 26 de junho de 2019

SC tem o quarto pior índice de vacinação contra a gripe do Brasil

Número de mortes causados pela doença chegou a 18 de acordo com o último boletim da Dive


Santa Catarina tem o quarto pior índice de vacinação contra a gripe do Brasil. A recomendação do Ministério da Saúde (MS) é que 90% da população de risco seja vacinada contra a gripe, porém o estado imunizou 86,8%. O percentual coloca SC entre os piores índices registrados a nível nacional pelo MS. Ao todo oito unidades federativas não atingiram o objetivo: SC ficou na frente apenas de Rio Grande do Sul (86,5%), Bahia (86%) e São Paulo (84,7%).

Esta é a primeira vez que o estado não atinge o estabelecido pelo MS. De acordo com os dados do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SIPNI) em 2018 foram aplicadas doses em 92,03% do público alvo, neste ano o número reduziu 5,23%.

Cobertura vacinal do grupo prioritário em SC

Crianças: 81,19%

Gestantes: 73,95

Trabalhador de Saúde: 78,87%

Puérperas: 93,75%

Indígenas: 90,08%

Idosos: 101,81%

Professores: 98,53%

População Privada de Liberdade: 82,72%

Funcionários do Sistema Prisional: 79,39%

Policiais Civis, Militares, Bombeiros e membros ativos das Forças Armadas: 41,28%

Estado registra 18 mortes por gripe neste ano 

Santa Catarina teve 18 mortes por gripe em 2019, conforme divulgou a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive-SC) nesta terça-feira (25). Ao todo, o estado teve 156 casos da doença este ano.

As mortes foram de moradores de: Joinville (três casos), Blumenau, Chapecó, Jaraguá do Sul e Tubarão (dois casos cada) e Balneário Camboriú, Biguaçu, Brusque, Canoinhas, Florianópolis, São Bento do Sul e São Francisco do Sul (um caso cada).

Fonte: Jornalismo Rádio Videira/ G1 e Diário Catarinense
Mais Notícias