segunda-feira, 11 de março de 2019

Hunter faz 20 indicações na localização de vítimas em Brumadinho

Duplas deve permanecer na cidade mineira até o fim do mês

Foto: Soldado Spader

Com o rompimento da barragem B1 da empresa Vale, na mina do Córrego do Feijão em Brumadinho – MG, ocorrida no dia 25 de janeiro, reuniram-se para as buscas das vítimas, bombeiros de todo o país, principalmente os que se destacam por especialização em buscas com cães em áreas deslizadas, caso do Cabo Ronaldo Fumagalli, bombeiro videirense, que está lotado no município de Curitibanos.

Segundo o último boletim oficial, do dia 08 de março, 111 pessoas continuam desaparecidas, enquanto outros 197 corpos já foram localizados e identificados.

Pela segunda vez auxiliando na localização das vítimas em Brumadinho, Fumagalli e o cão Hunter estão desde o dia 01 de março, novamente na região devastada, onde continuam trabalhando de forma incansável naquele cenário de destruição total. A dupla tem demonstrado bom desempenho no trabalho, já que nesta segunda passagem pela região, o cão Hunter fez 20 indicações, destas, 19 foram confirmadas, em outra, as máquinas não conseguiram chegar ao local de indicação.


A previsão de retorno da dupla para Santa Catarina, é o fim do mês de março, até lá, ficamos na expectativa de que Fumagalli e seu cão continuem tendo bons resultados e que desta maneira possam contribuir para com a comunidade mineira.

Fonte: Rádio Vitória AM 
Mais Notícias

Previsão do tempo para o Brasil