Pesquisar em Tílias News

Últimas Notícias

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

Polícia Civil conclui investigação e indicia cinco suspeitos de homicídio

O crime pode ter relação com organizações criminosas, segundo apurou a DIC


Cinco suspeitos de terem assassinado o jovem Luiz Henrique Souza Santos, de 19 anos, no último dia 10, em Lebon Régis, foram indiciados e presos pela Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC), de Caçador.  

As prisões foram realizadas nas cidades de Caçador, Timbó Grande, Videira e Balneário Camboriú. Duas delas ocorreram nesta terça-feira (26), em Timbó Grande, sendo que na cada de um dos suspeitos, B.L., de 18 anos, a polícia também apreendeu drogas e munições.

Segundo as investigações, o homicídio contra Luiz Henrique foi praticado em razão de a vítima supostamente apoiar uma organização criminosa rival daquela integrada pelos autores.
Um sexto homem, irmão de um dos suspeitos, foi preso por ocultar o veículo utilizado no crime na cidade de Videira. O automóvel foi apreendido e periciado, comprovando-se que foi aquele utilizado na execução do delito. O carro possuía placas clonadas e havia sido furtado no início do ano em Itapema.
Além disso, três armas usadas no crime também foram apreendidas, sendo duas pistolas (calibres 9 mm e .380) e um revólver calibre .38. Uma toca “bala clava” utilizada também foi localizada.
A DIC enaltece o trabalho dos policiais civis envolvidos nas investigações e operações, ressaltando-se o apoio das Delegacias das Comarcas de Lebon Régis, Santa Cecília e Caçador.
Antecedentes
B.L., preso em Timbó Grande hoje, irá responder também por tráfico de drogas e por posse ilegal de munições. No total, esse indiciado poderá ser condenado por três crimes de tráfico de drogas, homicídio, organização criminosa, receptação, posse ilegal de armas de fogo e posse ilegal de munições. Somadas, as penas podem chegar a 100 anos de reclusão em regime fechado. Considerando o limite de 30 anos vigente no Brasil, deverá sair da prisão com 48 anos de idade.
Homicídios solucionados
Com o inquérito concluído, a Polícia Civil segue com 100% dos homicídios resolvidos em Lebon Régis, desde 2018. Em dezembro, um suspeito foi preso indiciado pelo homicídio de dois homens na rodovia SC-135. Em janeiro, a polícia elucidou o homicídio ocorrido na Coopercampos.
Organização criminosa
Outros integrantes da organização criminosa foram presos pela Polícia Civil no último dia 14, na “Operação Santo Ofício II”. Na ação, foram indiciadas 13 pessoas, cuja célula criminosa foi desarticulada em Caçador.
Na ação, foram apreendidas armas de fogo, coletes balísticos, cocaína, crack, maconha, ecstasy, balança de precisão e outros apetrechos para o tráfico de drogas.


Fonte: Caçador Online

Nenhum comentário: