sexta-feira, 21 de dezembro de 2018

Sistema anti-granizo de Tangará proporciona segurança ao interior e à cidade

Com aproximadamente 55% da arrecadação vinda do agronegócio, o município de Tangará investe no sistema de anti-granizo.

O programa ficou desativado de 2009 até setembro de 2016, e assim que assumiu a administração municipal, o prefeito Nadir Baú da Silva efetivou a reativação do sistema. Tangará é maior produtor de uvas do estado e com destaque na produção de frutas.

O prefeito Nadir Baú da Silva, diz que a incidência de chuva de granizo poder provocar sérios danos aos agricultores, e afetaria diretamente o movimento econômico do município.

O prefeito explica que com os chamados “queimadores” instalados em pontos estratégicos no interior, o sistema acaba dando uma cobertura total na área do município, protegendo as propriedades rurais e da área urbana.

Outro ponto positivo, conforme Baú da Silva, é o investimento no sistema por parte de municípios vizinhos, o que acaba aumentando a área de cobertura em nível de região.

Para o Secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Aldair Biasiolo, informa que município investe mais de R$ 130 mil anuais para a manutenção do programa, que é acionado através de uma central de monitoramento climático tendo eficácia de 50% a 70%. O método de combate ao granizo foi desenvolvido na França e adaptado na região

Fonte: Rádio Tropical FM
Mais Notícias

Previsão do tempo para a região Sul do Brasil