sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

Polícia prende os primeiros suspeitos do caso Marielle, diz TV

A Polícia Civil do Rio de Janeiro cumpre nesta quinta-feira (13) os primeiros mandados de prisão contra suspeitos de envolvimento com o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e seu motorista Anderson Gomes.

Segundo o canal Globo News, as ordens emitidas pela Justiça atingem milicianos e são cumpridas em 15 endereços no Rio de Janeiro, Petrópolis, Angra dos Reis e em Juiz de Fora (MG). A Justiça emitiu mandados de prisão temporária e de intimação para depoimentos.

De acordo com as informações do canal, os suspeitos são investigados em inquéritos independentes ao do caso da vereadora morta no mês de março, mas estão relacionados ao crime.

Marielle foi morta quando voltava de um evento sobre violência contra contra mulheres negras na noite de 14 de março deste ano. Às 21h30, um carro se aproximou do veículo da vereadora na Rua Joaquim Palhares. Nesse momento foram feitos os disparos: quatro deles atingiram a cabeça de Marielle , que estava no banco de trás; o motorista levou outros três tiros nas costas.


A polícia localizou nove cápsulas de munição e suspeita que os criminosos seguiram o automóvel das vítimas, que tem vidros escuros, para saber a localização das pessoas. Os bandidos fugiram sem levar nada.

Fonte: Rádio Tropical FM 
Mais Notícias

Previsão do tempo para a região Sul do Brasil