Pesquisar em Tílias News

Últimas Notícias

quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

Estradas federais da região registraram 85 mortes neste ano

Números são referentes as regiões Meio-Oeste e Oeste.

(Foto: Portal Éder Luiz)
Até o dia 25 de dezembro deste ano 85 pessoas morreram nas rodovias federais que cortam as regiões Meio-Oeste e Oeste de Santa Catarina. Os números são da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e não levam em conta as vítimas que morreram nos hospitais após se envolverem nos acidentes, somente as mortes nos locais.

Com mais um feriadão pela frente, servem de alerta para quem vai pegar a estrada no réveillon.


Segundo a PRF, de 01 de janeiro até 25 de dezembro, aconteceram 1.268 acidentes, nos quais 1.064 pessoas ficaram feridas e 85 morreram no local.

Para que estes números não aumentem neste final de ano, a PRF repassa algumas informações importantes para quem vai pegar a estrada no feriadão.

Recomendações aos viajantes

Planejamento - O motorista deve se informar sobre as distâncias que percorrerá, condições do tempo, pontos de parada, existência de postos de combustíveis e de restaurantes à beira da estrada. Não esquecer documentação pessoal e do veículo;

Revisão preventiva - Providenciar a checagem do automóvel mesmo para pequenas viagens. Pneus calibrados e em bom estado; motor revisado, com óleo e nível da água do radiador em dia. Não esquecer de verificar a presença e estado dos equipamentos de porte obrigatório, principalmente pneu estepe, macaco, triângulo e chave de roda, além dos limpadores de para-brisa e luzes do veículo;

Pausas para descanso - O condutor deve programar paradas a cada 3 horas. Quem se expõe a muitas horas dirigindo fica sujeito ao fenômeno da “hipnose rodoviária”, na qual se mantém de olhos abertos, mas sem percepção da realidade à sua volta. Ela vem acompanhada de sonolência, perda de reflexos e de força motora.

Período noturno - Evitar circular à noite por conta da redução da visibilidade. 

Viaje de dia, de preferência de manhã bem cedo, quando já há luz do sol, a temperatura está agradável e as rodovias estão com menos movimento


Condições climáticas - Sob chuva ou cerração, imediatamente reduzir a velocidade e aumentar a distância em relação ao veículo que trafega a sua frente. Nestas condições o pavimento fica úmido e escorregadio, reduzindo a aderência dos pneus e elevando o risco de derrapagens e aquaplanagens após frenagens bruscas.

Fonte: Éder Luiz

Nenhum comentário: