quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Polícia prende dupla que tentou sacar dinheiro, com cartão furtado, em Lacerdópolis

A dupla que tentou sacar dinheiro e ainda fazer um empréstimo, com cartão furtado, na agência do BB em Lacerdópolis, foi presa na madrugada desta quinta-feira (22). A Polícia Militar, com apoio da Civil, manteve as buscas contínuas numa verdadeira caçada aos elementos que fugiram a pé após serem descobertos pelos vigilantes do BB que os identificaram em razão de um outro golpe aplicado no município de Ouro há poucos dias.

Os elementos, que abandonaram um VW/Gol com placas de Xanxerê, se embrenharam no mato. Eles haviam furtado a bolsa de uma mulher numa loja em Erval Velho e foram a Lacerdópolis com o cartão bancário que continha junto  a senha anotada numa etiqueta. Lá eles sacaram R$ 300,00 e ainda tentaram fazer um empréstimo já que a mulher possuía uma linha de crédito.

Por volta da 01h da manhã, após várias diligências nos mais diversos locais, a Polícia Militar recebeu a ligação de um agricultor que disse que um homem havia batido na porta de sua casa e solicitado ajuda. Ele queria o telefone para ligar para parentes em Xanxerê. O agricultor emprestou o telefone e desconfiado ligou para a PM, pois o homem pedia para que os familiares viessem até Lacerdópolis para busca-lo.

Policiais ligaram para o número em Xanxerê se passando pelo agricultor e dizendo para que eles viessem rápido, pois o cidadão precisava de ajuda. Horas depois, um veículo Gol de Xanxerê foi abordado chegando em Lacerdópolis com quatro pessoas dentro. Um dos policiais entrou dentro do veículo e orientou para que o motorista se desloca-se para o interior onde a dupla estava escondida. O veículo parou num determinado ponto e buzinou. O homem que estava escondido no mato veio até o veículo e acabou sendo preso pelo policial. Na volta, o outro golpista, acabou sendo encontrado caminhando na SC-150 e também foi preso. Ambos tem várias passagens pela polícia. Um deles tem 11 inquéritos. Eles foram levados para o Presídio Regional de Joaçaba.

Por Marcelo Santos



Fonte: Rádio Catarinense

Nenhum comentário:

Postar um comentário