sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Operação Veraneio 2016/2017 inicia na próxima semana em Santa Catarina

O governo do Estado lançou nesta quarta-feira, 14, a Operação Veraneio 2016/2017. A ação inicia na próxima quinta-feira (22) e segue até o dia 6 de março de 2017. Maior operação integrada de Segurança Pública de Santa Catarina, a Operação Veraneio vai mobilizar mais de 8 mil profissionais que vão atuar em praias, balneários e estâncias hidrominerais do Estado.

A cobertura de segurança durante a Operação Veraneio terá o reforço de policiais civis, militares e bombeiros também nos balneários de Piratuba, Ouro, Barra do Leão (Campos Novos) e Treze Tílias.

O vice-governador Eduardo Pinho Moreira participou do lançamento e destacou que as ações de segurança pública contribuem para que Santa Catarina seja referência no turismo.

O secretário da Segurança Pública, César Grubba, ressaltou o trabalho conjunto de órgãos como a Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Instituto Geral de Perícias e Detran.

Também haverá o constante apoio da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC), das delegacias especializadas, da Academia de Polícia Civil (Acadepol) e da Diretoria de Inteligência da Polícia Civil. Haverá reforço policial nas Delegacias de Atendimento ao Turista do Aeroporto Hercílio Luz e na Rodoviária Rita Maria, em Florianópolis.

O Corpo de Bombeiros mobilizará um efetivo de 1.339 guarda-vidas civis e 188 guarda-vidas militares, espalhados em mais de 312 postos de observação no Litoral e no Interior. Serão monitorados mais de 455 quilômetros de extensão divididos em 157 praias, além de 35 balneários e 17 estâncias hidrominerais.

Na Polícia Civil, serão mobilizados policiais convocados e lotados, que atuarão em 36 municípios, entre cidades litorâneas e de águas termais. Destas, 26 terão reforço policial. O Serviço Aeropolicial da Polícia Civil também estará mobilizado. Os policiais que estão concluindo o curso de formação irão reforçar os trabalhos no litoral.

A SSP prevê um gasto superior a R$ 26 milhões com a operação, valor investido na última temporada. O recurso será utilizado no pagamento de diárias para os policiais que serão transferidos de sua base para o litoral, alimentação de todo o efetivo e pagamento dos guarda vidas civis. Este acréscimo nos gastos, comparado ao último ano, está relacionado ao reforço de agentes de segurança nesta temporada, com a conclusão dos cursos de formação. Este efetivo será remanejado como reforço no policiamento nas cidades que receberão a Operação Veraneio.

Além do efetivo, nesta temporada serão utilizados 1,7 mil viaturas, 250 motocicletas, 120 embarcações, 50 quadriciclos, 43 motonáuticas, 30 bases móveis, 07 helicópteros e 03 aviões.

Fonte: Assessoria de Imprensa 

Nenhum comentário:

Postar um comentário