terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Joaçaba: Estudo analisa a influência das mídias digitais no consumo da água

Professoras e acadêmicas do curso de Publicidade e Propaganda, da Unoesc Joaçaba, desenvolveram uma pesquisa buscando compreender a influência das mídias digitais no consumo da água. O projeto, intitulado “A utilização da propaganda em mídias digitais como propulsoras do consumo consciente dá água. Estudo de caso da cidade de Joaçaba em Santa Catarina”, recebeu recursos do Fundo de Apoio à Pesquisa (Fape) da universidade. 

 As professoras Silvia Spagnol Simi dos Santos e Vanessa Angélica Balestrin, além das estudantes Ana Luiza Justi e Taís Holetz, são as autoras do projeto. Segundo elas, a importância do tema se dá em virtude de como a internet alterou significativamente a forma das pessoas se relacionarem e se comportarem em sociedade. 

 A partir disso, a pesquisa teve como objetivos identificar a percepção dos moradores da cidade de Joaçaba, de 30 a 59 anos, quanto a gestão dos recursos hídricos domésticos, bem como o comportamento em relação à utilização das mídias sociais. Com esses dados, criaram e produziram uma campanha de propaganda digital de conscientização, na cidade de Joaçaba, tendo como foco o uso dos recursos hídricos. 

publicidade
 A pesquisa mostra que o consumo exagerado é proveniente de banhos demorados, descarga do vaso sanitário, vazamentos, não fechar a torneia enquanto escova os dentes e lavar o carro com água corrente de mangueira. Essas são práticas que resultam em um uso abundante da água, mas que podem ser evitadas. 

 — Existem diversas formas de economizar água, sendo elas importantes para evitar possível escassez no futuro. É por meio desse viés que a pesquisa se concretizou — disse Silvia, que é também coordenadora do curso de Publicidade e Propaganda.

A campanha desenvolvida, “#CadaGotaConta”, teve o Facebook como veículo de divulgação, levando em consideração que é uma das redes sociais mais utilizadas pelo público-alvo. Para medir a precisão da taxa de engajamento, uma fórmula foi aplicada individualmente às 12 publicações efetuadas.

Constatou-se que todas elas alcançaram números similares, chamando a atenção para a publicação que trazia a informação “mais de 20% da população joaçabense não fecha a torneira ao escovar os dentes”, dado inédito a ser divulgado. Outra publicação que também chamou a atenção salientava que “uma torneira que goteja uma vez a cada um segundo pode vazar três mil litros em um ano”.

— Com essa pesquisa constatou-se a popularização da internet e, por consequência, o uso de propaganda em mídias sociais, bem como a forte influência que esses meios representam no hábito das pessoas — finalizou a professora.

Confira os vídeos que foram publicados no Facebook: Descubra os motivos para você economizar água e Por que você deve economizar água?

Fonte: Jessica Dayane Novello/Ascom Unoesc

Nenhum comentário:

Postar um comentário