quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Câmara reduz exigências e aprova renegociação das dívidas estaduais

A votação que representou uma derrota para a equipe econômica do governo, a Câmara dos Deputados aprovou na tarde de ontem, por 296 votos a 12 e três abstenções, o projeto que renegocia dívidas dos estados e do Distrito Federal com a União.

A proposta aprovada, que agora vai à sanção presidencial, aumenta em até 20 anos o prazo para o pagamento de dívidas de estados e do Distrito Federal com a União.

Aos estados que enfrentam crises financeiras mais graves, como Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul, o texto permite que o pagamento das dívidas seja suspenso por até três anos.

À noite, o Ministério da Fazenda divulgou nota informando que somente aprovará os planos de renegociação das dívidas dos estados com a União que, "de fato", viabilizarem o equilíbrio das contas estaduais.

O Governador Catarinense Raimundo Colombo comemorou a notícia, que segundo ele é uma vitória muito importante, que traz uma normalidade para os estados do Brasil. 

Fonte: Rádio Tropical FM 

Nenhum comentário:

Postar um comentário