sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Vereador eleito em Joaçaba corre o risco de perder o mandato por suposta compra de votos

Um vereador eleito em Joaçaba, cujo nome não foi revelado, em razão do andamento da investigação, corre o risco de perder o mandato. O chefe da 18ª Zona Eleitoral, João Spagnol, concedeu entrevista a Rádio Catarinense no início da tarde desta sexta-feira (07) confirmando a existência de uma investigação que apura eventual compra de votos que teria ocorrido no domingo. Três pessoas foram presas pela Polícia Militar no acesso Adolfo Ziguélli e em seguida levada para o presídio, de onde saíram depois do pagamento de fiança. Junto com elas foram encontrados santinhos do vereador, dinheiro e mais uma lista com nomes de prováveis eleitores que teriam recebido dinheiro para votar em tal candidato. As pessoas seriam cabos eleitorais do candidato. Os indícios estão sendo analisados, e caso se comprove o crime eleitoral, a Justiça poderá ingressar com uma representação solicitando a cassação do mandato. Caso isso ocorra, seria chamado o primeiro suplente da coligação.

Por Marcelo Santos

Fonte: Rádio Catarinense 

Nenhum comentário:

Postar um comentário