sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Joaçaba: Depois de 31 dias termina a greve dos bancários

No final da tarde desta quinta-feira (06), os bancários que integram o Sindicato na região de Joaçaba estiveram reunidos, para analisar em Assembleia a proposta apresentada pela classe patronal no início da madrugada.

Atendendo orientação do Comando de Greve, a categoria resolveu encerrar o movimento que já durava 31 dias, sendo que em Joaçaba seis agências estavam fechadas, sendo o Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, HSBC, Itaú, Santander e Bradesco. Ao todo foram fechadas mais de 31 mil agências bancárias em todo o país.

E para que se chegasse ao final a paralisação, foram 10 rodadas de negociação entre os representantes das duas categorias em São Paulo. Neste último encontro, a patronal ofereceu aos bancários 8% de reajuste salarial, o abono para R$ 3,5 mil e a garantia de conceder, no próximo ano, a reposição da inflação e mais 1% de aumento real, além de corrigir o vale-alimentação em 15%, o vale-refeição e o auxílio creche/babá em 10% e a implantar a licença-paternidade de 20 dias.

Sendo assim, a partir desta sexta-feira (07), todas as agências voltam ao atendimento normal.

Por Julnei Bruno

Fonte: Rádio Catarinense 

Nenhum comentário:

Postar um comentário