quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Cancelamento dos Jasc será anunciado nesta quinta (27)

A Central de Imprensa das Federações Esportivas de Santa Catarina (Cifesc) publicou em seu site oficial, na noite desta quarta-feira (26), que o Governo do Estado irá anunciar na quinta-feira o cancelamento da edição 2016 dos Jogos Abertos de Santa Catarina. Os Jasc estavam previstos para ocorrer em Tubarão, mas o município foi atingido por fortes chuvas e vendavais, o que acabou inviabilizando o evento na cidade. Segundo a reportagem assinada por Júlio Castro, uma nota oficial será divulgada por meio da Secretaria de Comunicação (Secom). A competição volta a ser disputada em 2017, no município de Chapecó, no Oeste do Estado.

Tanto o Conselho Estadual de Esporte (CED), quanto a Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), dois dos integrantes do sistema esportivo catarinense, já se manifestaram desfavoráveis à realização do evento por diversos fatores.

Caberá ao governador Raimundo Colombo assinar o comunicado oficial e colocar fim à polêmica iniciada a partir do vendaval que assolou a cidade de Tubarão no último dia 16 e que culminou com a desistência da cidade em sediar a competição, inicialmente programada para o período de 11 a 18 de novembro.

Na quarta-feira, um dia após o CED manifestar a inviabilidade do evento, a diretoria da Fesporte se reuniu para buscar alternativas para tentar salvar a competição, porém inúmeros fatores contribuíram negativamente para a proposição de uma saída. Entre os agravantes, destaque para a indisponibilidade de tempo para definição de processos licitatórios necessários a contratar inúmeros serviços praticados numa eventual nova sede a partir da desistência de Tubarão, por causa das fortes chuvas que atingiram o município.

A indisponibilidade de escolas para acomodar os atletas durante o período de competição, na plenitude do fechamento do ano letivo, também figura entre as reais razões do cancelamento. Soma-se ao quadro, o reduzido tempo disponível — a partir da realização do evento, — para o município efetuar a prestação de contas, uma vez que em 31 de dezembro termina o ano fiscal no setor público.

Fonte: Clic RBS

Nenhum comentário:

Postar um comentário