sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Polícia indicia 23 que participavam em esquema de fraude de títulos em Piratuba

Os 23 indiciados por participarem em esquema de fraude em títulos eleitorais em Piratuba vão responder por falsidade ideológica e pelo artigo 350 do código eleitoral, que também trata de declarações falsas. Em ambos os casos a pena varia de um a cinco anos de prisão, além do pagamento de multas.

Entre os indiciados estão representantes de diretórios municipais e de partidos políticos. Segundo o delegado Ricardos Saroldi Chaves, quase todos os indiciados moram em Ipira, mas pra conseguir transferir o título de eleitor apresentavam documentos falsos, como se morassem no município vizinho, Piratuba.

Todos os indiciados ficaram em silêncio durante os depoimentos e não colaboraram com as investigações, por isso a polícia não conseguiu identificar quem comandava o esquema. O Inquérito agora será analisado pelo Ministério Público de Capinzal, que até a semana que vem deve oferecer denúncia a Justiça. (Informações G1/SC)

Fonte: Rádio Catarinense 

Nenhum comentário:

Postar um comentário