quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Iomerê: Prefeito Luciano Paganini afirma que denúncia da Operação Patrola é eleitoreira e mentirosa

O prefeito de Iomerê, Luciano Paganini emite nota sobre os fatos que supostamente o colocam em uma lista na condição de investigado em denúncia oferecida pelo Ministério Público de Santa Catarina na Operação Patrola.

Paganini afirma que a denúncia é eleitoreira e mentirosa, com tentativa de associar seu nome a qualquer tipo de ocorrência de ilegalidade. Para Luciano Paganini, a ação é um instrumento usado por caluniadores que, tentam, segundo Paganini, ofuscar seu trabalho na Administração do município, que ele julga como exitoso.

Em nota, Luciano Paganini segue afirmando que é apenas mais uma das tantas infundadas denúncias das quais foi alvo, nos últimos quatro anos. Segundo Paganini, foram dezenas de denúncias oferecidas ao Ministério Público por seus adversários, sendo que de acordo com o prefeito, foi inocentado de todas e nunca foi provado que tenha cometido qualquer irregularidade ou ato ilícito.

Luciano Paganini repudia veementemente a suposta acusação, da qual diz que tomou conhecimento pelos noticiários e redes sociais, já que sequer, segundo ele, foi notificado oficialmente de qualquer trâmite investigatório envolvendo seu nome.

Por fim, Paganini lamenta profundamente que artimanhas desta natureza ainda sejam utilizadas.

Fonte: Rádio Tropical FM

Nenhum comentário:

Postar um comentário