terça-feira, 20 de setembro de 2016

Catanduvas: Inaugurada em setembro de 2015, a construção já apresenta buracos e ondulações na pavimentação asfáltica. A situação evidencia o mau serviço prestado, tendo em vista o extremo nível de deterioração do viaduto com menos de um ano de uso, e os buracos implicam em risco à segurança dos usuários da via, a qual liga o Bairro Sayonara ao centro da cidade. A Titular da Promotoria de Justiça de Catanduvas descreve, ainda, ser fundamental fiscalizar a correta realização de obra pública, de modo a preservar o patrimônio público. A representante do Ministério Público solicitou à mídia local todas as notícias veiculadas com relação ao viaduto da BR-282, com intuito de averiguar a ocorrência. Também foi solicitado que o Município forneça cópias dos documentos pertinentes a construção do elevado, que incluem contratos, convênios, processos licitatórios, notas de empenho, ordens de pagamento, termos de vistoria e projetos. O inquérito civil se caracteriza como um procedimento administrativo no qual o Ministério Público busca obter provas de possíveis irregularidades. A partir dos resultados, o representante ministerial busca uma solução de forma judicial ou extrajudicial. Foto: Rádio CatarinenseUm inquérito civil foi instaurado para apurar a ocorrência de danos ao Viaduto no Município

Inaugurada em setembro de 2015, a construção já apresenta buracos e ondulações na pavimentação asfáltica.

A situação evidencia o mau serviço prestado, tendo em vista o extremo nível de deterioração do viaduto com menos de um ano de uso, e os buracos implicam em risco à segurança dos usuários da via, a qual liga o Bairro Sayonara ao centro da cidade.

A Titular da Promotoria de Justiça de Catanduvas descreve, ainda, ser fundamental fiscalizar a correta realização de obra pública, de modo a preservar o patrimônio público.

A representante do Ministério Público solicitou à mídia local todas as notícias veiculadas com relação ao viaduto da BR-282, com intuito de averiguar a ocorrência.

Também foi solicitado que o Município forneça cópias dos documentos pertinentes a construção do elevado, que incluem contratos, convênios, processos licitatórios, notas de empenho, ordens de pagamento, termos de vistoria e projetos.

O inquérito civil se caracteriza como um procedimento administrativo no qual o Ministério Público busca obter provas de possíveis irregularidades. A partir dos resultados, o representante ministerial busca uma solução de forma judicial ou extrajudicial.

Foto: Rádio Catarinense

Nenhum comentário:

Postar um comentário