quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Escolas estaduais começam segundo semestre letivo com novos projetos

O início do segundo semestre do ano letivo é marcado com boas expectativas e novos projetos na rede pública estadual. O secretário de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, anunciou dois importantes projetos para esta segunda etapa escolar: Google for Education e Educação e Saúde nas Escolas.

O Google for Education é uma parceria firmada em 2015 entre Secretaria de Estado da Educação e Google destinada a alunos e professores dos ensinos fundamental (anos finais) e médio. A partir deste semestre o projeto oferecerá uma conta exclusiva de e-mail Google com acesso a nove aplicativos que irão incentivar e agilizar a interação entre alunos e professores. No ano passado os estudantes do Instituto Estadual de Educação (IEE) testaram o projeto piloto que agora será ampliado para mais 36 escolas, uma de cada Regional: a EEB Celso Ramos, de Joaçaba, é uma das contempladas.

Deschamps destacou que esta é uma iniciativa para que a educação se adapte ao mundo tecnológico, tornando o ambiente escolar inovador. “Precisamos privilegiar a questão da mobilidade, principalmente à sala regular, que o aluno possa ter acesso diferenciado à internet proporcionando acesso aos aplicativos educativos e para que tenhamos uma escola modernizada”, ressaltou. Após esta fase do projeto, a expectativa é que todas as escolas da rede estadual recebam as ferramentas de trabalho voltadas para educação.

De acordo com o diretor de marketing da Qi Network, representante do Google no Estado, Rômulo Martins, as ferramentas dessa parceria têm também como foco a otimização do tempo do professor e um novo modelo de sala de aula. Lembrando que Santa Catarina é o primeiro Estado em nível de Secretaria de Estado da Educação que firmou essa parceria com o Google for Education. “Essa nova geração de alunos, que tanto urge por uma nova educação, busca engajamento com ferramentas tecnológicas que tornarão as aulas mais práticas e atrativas, para um novo modelo”, afirmou.

Já o projeto Educação e Saúde nas Escolas, promovido por meio uma parceria entre Secretaria de Estado da Educação e Secretaria de Estado da Saúde, consiste na ideia de tornar a escola um espaço educador sustentável e promotor de saúde.

Para a diretora da Educação Básica da SED, Marilene Pacheco, o principal objetivo do projeto é sensibilizar os estudantes para um mundo mais sustentável. “Buscamos formar cidadãos com atitudes positivas à conservação e à preservação ambiental, de modo que eles se tornem multiplicadores desta boa ideia”, disse.

Fonte e foto: Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário