segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Associação de Produtores de Leite de Ibicaré reúne bovinocultores do município e da região

Na última sexta-feira dia 12 de agosto aconteceu no Salão da Comunidade de São José Ibicaré, o 1º Seminário de Bovinocultura de Leite, promovido pela Associação de Produtores de Leite de Ibicaré.

Pela manhã após a abertura, foram desenvolvidas as palestras Conforto Animal e Noventa Dias Vitais com o Médico Veterinário Gustavo Flores Zielinski.

Após o almoço mais duas palestras, uma com o tema Desafios Com a Qualidade de Volumosos, palestrante Técnico Agrícola Renato Rossi e a outra palestra com o Médico Veterinário José Henrique Carvalho Cordova que falou sobre a Normativa 62.

De acordo com o palestrante Médico Veterinário Gustavo Flores Zielinski, seminários desta natureza, são muito importantes para que os produtores de leite aprofundem seus conhecimentos, e assim busquem mecanismos de aumento de produtividade e lucros em sua propriedade.

Conforme Zielinski o conforto animal e os noventa dias vitais, são pontos que o produtor de leite precisa observar em seu plantel para uma produção de qualidade.

Ele explica que não basta só uma boa alimentação ao gado leiteiro, mas sim outros cuidados básicos necessários no manejo para a saúde animal, boas condições de cama, espaço, ambiente arejado e cuidados especiais no pré parto.

O Médico Veterinário conclui alertando que a atividade leiteira está cada vez mais profissionalizada, é um grande negócio no momento e para o futuro, porém o produtor precisa cada vez mais buscar novas informações e tecnologias para ser competitivo e assim se manter forte na atividade.

O Produtor de Leite Alexandre Trevisol de Gramado dos Leite que tem em sua propriedade 46 vacas em lactação e faz duas ordenhas diárias, participou do seminário e disse ter o evento contribuído muito para ele e os demais presentes na última sexta-feira na Comunidade São José.

Trevisol disse que os palestrantes passaram informações importantes no que se refere aos cuidados com os animais para aumento da produção de leite e aumento dos lucros na propriedade.

O produtor salienta que com um mercado exigente em qualidade, os produtores precisam sair em busca de informações, e o seminário do dia 12 cumpriu com sua finalidade.

Por sua vez Roberto Schaffrath presidente da Associação de Produtores de Leite de Ibicaré, que promoveu o seminário, disse que o evento contou com cerca de 80 produtores vindos dos municípios de Ibicaré, Água Doce, Rio das Santas e Treze Tílias.

O presidente destacou que o seminário trouxe bons palestrantes, e os presentes puderam tirar bom proveito dos temas desenvolvidos nas palestras de forma gratuita.

Schaffrath disse que de acordo com os palestrantes, o produtor que não buscar informações de novas tecnologias no manejo de animais e produção de leite, corre sério risco de ter que em poucos anos abandonar a atividade.

Ibicaré tem hoje uma boa produção leiteira, mas pode aumentar com uso de novas tecnologias diz o presidente, e esse foi o objetivo principal do seminário realizado na última sexta-feira, ao qual ele a agradece a todos pela organização e participação.

Fonte: Rádio Tropical FM

Nenhum comentário:

Postar um comentário